Joaninha

1
685

Conheça um pouco desse inseto que, devido ao seu hábito alimentar, tornou-a um agente importante no controle de pragas.

CLASSE: Insetos
ORDEM: Coleópteros
FAMÍLIA: Coccinelídeos
NOME CIENTÍFICO: Coccinela septem-punctata

joaninha-folhagem

joaninha-numa-folhaPouco depois de emergirem dos ovos, que são postos em meio à colônia de afídios, as larvas coloridas, mais vorazes do que a joaninha adulta, comem, incessantemente, até centenas de afídios num dia só. Seu rápido metabolismo e crescimento exigem suprimento continuado de comida. Além disso, é preciso formar reservas para os dias em que o bicho ficará sem comer, o que ocorre durante a metamorfose.
Depois que a joaninha atinge o estágio adulto, sua voracidade é um tanto mais comedida. Ainda assim, pode chegar a duzentos o número de afídios que ela devora num só dia. Esse hábito alimentar da joaninha acabou por torná-la um agente importante no controle biológico de pragas, pois os afídios parasitam plantas importantes para a economia humana, como a laranjeira. Inseticidas químicos estão sendo usados com crescente reserva por causa dos efeitos secundários que causam e por afetarem a fauna (o DDT, já proibido em vários países, começa a figurar em níveis ameaçadores na carne e no leite, de onde passa para o organismo humano). Por essas razões, tenta-se hoje desenvolver um tipo de controle de pragas mais “natural”.
O maior sucesso das joaninhas, nessa linha, talvez tenha ocorrido nos Estados Unidos, onde um inseto (Icerya purchasi) ameaçava as plantações de laranja de Califórnia. Os agricultores importaram da Austrália uma espécie de joaninha (Rodolia cardinalis), que em questão de meses dizimou quase toda a população de Icerya e salvou a cultura.

Joaninha – Curiosidades

A larva desse inseto (com segmentos azuis) também se alimenta de afídios, como a joaninha adulta. Antes de chegar à maturidade, porém, passará pelo estágio de pupa.

joaninha-afídio-colônia

Embora os afídeos não possam defender-se da joaninha, tão maior e mais forte, às vezes a caçadora tem de lutar pelo alimento. É que certas formigas criam afídeos e os defendem contra todo atacante.
Contra o fundo verde da folhagem em que vive, a cor viva do inseto sobressai de longe. A visão aguda dos passarinhos logo a localiza. Mas, como defesa, ela exala um cheiro repugnante que a salva.

Apesar de voarem devagar e com breve alcance, as joaninhas que vivem em países temperados migram a distâncias de quilômetros, antes do inverno. Depois, hibernam agrupadas em colônias de muitas centenas.
Como todo besouro, ela também conserva as asas cobertas pelo élitros, quanto não está voando. Em parte, a resistência que os élitros abertos oferecem ao ar dificulta a eficiência do voo.

joaninha-pendurada

joaninha-afídio

joaninha-amarela

joaninha-zoom

joaninha-pequena

joaninha-duas

joaninha-Coccinela septem-punctata

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA